Por Fê Gonçalves  •  22 jul 2020
0 Comentários

Sofá retrátil: solução bonita e criativa para sua sala

Decoração, Lifestyle

Quando estamos em casa, o que nós mais desejamos fazer é relaxar. O bom descanso do corpo é algo fundamental… 

Só assim conseguimos enfrentar, dia após dia, os desafios da vida. Imagine, então, que prazer é reunir a família para uma conversa ou para assistir televisão e sentar em um sofá bem confortável. Perfeito, não é mesmo?

Então, conheça as vantagens de ter um sofá retrátil na sala!

Imagem: Flávia Campos Arquitetura

O que é sofá retrátil?

É claro que não poderíamos falar sobre a utilização desse móvel na decoração de interiores sem antes analisar quais são as suas características. 

Afinal, o que diferencia um sofá comum de um sofá do tipo retrátil? Pois bem, o sofá comum também pode ser muito bonito e atrativo, mas ele não vai oferecer as mesmas funções que um sofá retrátil. Este segundo pode se transformar de formas inimagináveis…

Imagem: Braccini + Lima Arquitetura

Imagem: Condecorar Arquitetura e Interiores

Diferentes modelos

Para começar, como o próprio nome já diz, o sofá retrátil é capaz de expandir e, em seguida, retrair os seus assentos. 

Em alguns casos, ele pode formar um desenho em forma de ‘L’, tendo, em uma das suas exterminadas, um assento divã. Sua estrutura também pode ser mudada, transformando a posição do encosto, da forma vertical para a inclinada.

Alguns modelos especiais de sofá retrátil vêm com almofadas extras que ajudam a dar um apoio melhor às costas dos usuários. 

Muitos apresentam base com molas ensacadas e camada extra de espuma ~ assim como se vê em camas box ~, uma garantia de mais conforto. E outros modelos ainda apresentam mais surpresas, como um baú oculto na parte interna.

Imagem: Bruna Pardi Arquitetura e Interiores

Por que investir em um sofá retrátil para casa?

Como você já deve estar imaginando, sim, a maior razão para alguém adquirir um sofá retrátil é mesmo por conta do conforto. De fato, este modelo supera ~ e muito ~ os demais nesse quesito. 

Relembrando que eles, além de retráteis, podem ser inclináveis. Imagine como é possível relaxar o corpo sobre um móvel assim, podendo deixar as pernas esticadas para cima e as costas para trás. Difícil mesmo é não dormir sobre ele!

O que permite que o sofá retrátil opere todos estes movimentos é a sua estrutura, altamente tecnológica, funcionando num sistema de catracas. 

Com tantas possibilidades, esse sofá pode acabar substituindo a necessidade da compra de outra peça bastante comum em decoração de sala de estar; seria o puff, item utilizado como apoio para os pés. Isto representa uma grande economia de espaço ~ outra vantagem desse modelo de sofá.

Imagem: Sandra Sanches

Como harmonizar seu sofá retrátil com a decoração da sala?

Dentre os diferentes modelos de sofás retráteis, há aqueles com dois, três e até seis lugares. Alguns ainda podem vir em um desenho bastante favorável para otimizar diferentes formatos de salas ~ como, por exemplo, o sofá de canto. 

E justamente sabendo o tanto de planta que tal móvel pode ocupar devido a sua possível expansão é que os designers propuseram costas menos profundas.

O abrir e fechar do sofá retrátil deve ser estudado no momento de estabelecer um layout para o ambiente. É que é fundamental deixar espaço vago em frente suficiente para este movimento. 

Muitas vezes, pode ser até difícil fazer o conjunto do sofá com outros móveis. Contudo, tal solução funciona para salas pequenas, quando o sofá domina a maior parte do espaço, e amplas, quando ele pode ficar em destaque.

Imagem: Giovana Ciacco Interiores

Imagem: Mutabile Arquitetura

Não é difícil combinar os novos sofás retráteis com qualquer decoração que seja. Isto porque quase todos eles têm um desenho bem simples e cores neutras. 

Na maioria das vezes, o detalhe mais significativo em seu design é a costura do encosto, em botonê ou capitonê. Mas também é possível adquirir sofá retrátil com características mais ousadas em lojas do ramo.

Existem modelos de sofás nesta linha vendidos em cores mais vivas, o que condicionaria a peça ser o ponto focal do cenário. 

De outro modo, sempre podemos fazer o sofá que escolhemos combinar com o restante da decoração por meio dos complementos ~ mantas e almofadas coloridas e estampadas. Mais uma dica legal é sempre fazer o contraste do sofá com o tapete e a parede de fundo. 

Pronto, agora é só escolher o seu modelo e combinar com a decoração da sua sala!

Imagem: Elmor Arquitetura

*As dicas de como decorar a sala com um sofá retrátil foram criadas em parceria com a equipe Viva Decora.

Comente pelo Facebook
Escreva o seu comentário
Você precisa estar logado para deixar um comentário.
UP
YouTube   FeGonçalves