Por Fê Gonçalves  •  11 jun 2019
0 Comentários

Queda de cabelo: quais hábitos podem prejudicar os fios?

Beleza

A queda de cabelo é um problema que pode atingir homens e mulheres de diferentes idades, sendo importante conhecer quais as suas causas para auxiliar no tratamento.


Além de questões de saúde, hormonais e genéticas, a queda de cabelo também pode ser provocada por hábitos ruins. Dessa forma, é importante conhecer quais são eles e saber como evitá-los.

10 hábitos que provocam a queda de cabelo

 

1. Uso diário de secador e pranchas
Uma situação comum entre as mulheres é o uso diário de secadores, chapinha ou babyliss para dar aos fios a modelação e textura desejadas. A recomendação é que esses itens sejam usados o mínimo possível, evitando a exposição térmica excessiva dos fios ao calor.

Outra dica é que quando for usar esses aparelhos aplique-se um pouco de protetor térmico, pois ele reduz a exposição ao calor e ajuda a modelar os fios, evitando a reaplicação da chapa diversas vezes na mesma mecha.

2. Estresse
Um pouco de estresse é difícil de evitar completamente, no entanto, uma rotina estressante prejudica os fios e pode estar associada à queda de cabelo.

Essa condição afeta tanto homens quanto mulheres e deve-se analisar se as situações de estresse são frequentes o suficiente para impactar a saúde.

3. Hábitos prejudiciais à saúde
Existem hábitos relacionados à saúde que podem impactar as questões capilares, como a queda e a resistência dos fios. Entre eles destaca-se o tabagismo, consumo excessivo de álcool, sedentarismo e a alimentação inadequada.

Assim, é importante mudar esses hábitos para que seja possível realizar um tratamento capilar eficaz contra a queda.

4. Prender muito os fios

Muitas mulheres têm o hábito de manter os fios presos e, em alguns casos, usando o mesmo penteado diariamente. Esse costume pode afetar à saúde dos fios no longo prazo e favorecer a queda.

O ideal é evitar fazer sempre penteados como o coque e o “rabo de cavalo” que aumentam a tração dos fios e, quando fazê-los, optar por elásticos de tecido e sem puxar excessivamente os cabelos.

5. Uso frequente de produtos químicos
Quando fala-se em química nos cabelos muitas pessoas associam apenas a técnicas mais agressivas, como descoloração, pintura e progressiva. Apesar serem mais prejudiciais, os químicos podem também estar nos produtos usados no dia a dia.

Dessa forma, é importante evitar o uso de produtos de cuidados diários que tenham conservantes na composição, como parabenos e sulfatos muito fortes, como o laurilsulfato de sódio (SLS) e lauril éter sulfato de sódio (SLES).

6. Tomar banhos quentes
Um dos motivos que aumentam a queda de cabelo no inverno é o hábito de tomar banhos muito quentes. A temperatura da água pode causar o ressecamento dos fios ou mesmo a oleosidade rebote.

Além disso, outro problema causado pela água quente é a dermatite seborréia, conhecida também como caspa, que além de afetar a estética dos fios e causar desconforto, está associada à queda capilar.

7. Pentear os fios de cima para baixo

Um problema recorrente principalmente para quem mantém as madeixas mais longas é pentear erroneamente os fios, embaraçando, causando a quebra e aumentando a sensibilidade da fibra capilar.

Em geral as pessoas começam a pentear do topo da cabeça em direção às pontas, embolando ainda mais os fios ao tentar eliminar todos os nós de uma única vez.

A recomendação é que inicialmente sejam penteadas as pontas, eliminando os nós, depois o meio e por fim o topo, mantendo os movimentos menos agressivos.

8. Lavar o cabelo todos os dias
Muitas pessoas mantém o hábito de lavar os cabelos todos os dias, mas essa prática só deve ser adotada se houver uma recomendação específica do cabeleireiro ou médico.

Esse costume é mais comum em quem tem o cabelo oleoso. No entanto, mesmo a oleosidade garante uma camada de proteção aos fios, principalmente nas pontas.

O mais recomendado é intercalar os dias de lavagem e, caso os fios sejam oleosos, optar por produtos específicos que manter a limpeza por mais tempo.

9. Não hidratar os fios
É comum associar a hidratação dos fios apenas a visitas no cabeleireiro, no entanto, os intervalos costumam ser longos e irregulares. Os fios precisam de cuidados específicos com maior frequência, exigindo que o hábito de hidratação seja realizado em casa.

O ideal é conversar com o cabeleireiro sobre qual frequência deve ser adotada em casa e qual o produto que apresenta maior valor nutritivo para as características dos fios, garantindo uma hidratação periódica que aumente a saúde dos fios.

10. Não dar atenção ao couro cabeludo
Ainda que o comprimento do cabelo costume receber mais atenção por ser mais evidente, é essencial que a rotina de cuidados inclua o couro cabeludo. Especialmente para quem sofre de caspa, oleosidade e queda de cabelo.

Entre as formas de deixar o couro cabeludo mais saudável está usar produtos específicos e também fazer massagens capilares relaxantes.

Existem diversos hábitos que impactam a saúde capilar, sendo importante conhecê-los para adotar uma rotina de cuidados mais saudável e que minimize problemas como a queda de cabelo. Se a queda persistir, procure um médico especializado para diagnóstico e tratamento.

Comente pelo Facebook
Escreva o seu comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui

UP
YouTube   FeGonçalves