Por Fê Gonçalves  •  09 jan 2017
0 Comentários

Seguir um padrão de beleza ou ter um estilo de vida saudável

Fitness

A história da modelo sul-africana Marciel Hopkins me fez refletir alguns pontos sobre a relação com o nosso corpo e a nossa saúde. Sobre seguir um padrão de beleza ou ter um estilo de vida saudável

Post sobre uma reflexão de seguir um padrão fitness ou ter um estilo de vida saudável

Vou contextualizar para quem não conhece a história dessa moça linda. Em 2015 Marciel passou por um regime bastante rígido, com alimentação e treinos insustentáveis para qualquer pessoa se manter motivada. Naquele ano ela era uma das finalistas ao título de Miss África do Sul.

Até ai está explicado o motivo dela ter chegado a esse corpo seco e definido, a custa de dieta e muitas horas treinando diariamente.

Depois de passar por essa experiência, Marciel decidiu seguir o sentido contrário da grande maioria dos modelos profissionais: aceitou o biotipo dela e as suas curvas, sem deixar de ter um estilo de vida saudável. Ela decidiu amar o corpo dela da forma como é e não seguir um padrão de beleza ou fitness tão rígido.

Esse é o ponto que eu quero chegar: ninguém precisa seguir o padrão que é imposto por aí. Ou a dieta do momento para alcançar aquela barriga trincada e um corpo absolutamente perfeito {no sentido da beleza perfeita} para ser saudável.

Falo por mim: sigo os meus hábitos de alimentação e treinos, mas não estou em busca de um corpo que seja diferente do que tenho hoje. Para chegar aonde estou passei sim por dieta e fiz muito exercício físico até emagrecer 13kg. Foi ótimo, me senti muito bem, era exatamente o que queria. Mas fiquei muito magra pesando 51kg e sabia que esse não era o tipo físico que conseguiria manter para o resto da vida.

⇒ Veja também: Como emagreci 13kg

Post sobre uma reflexão de seguir um padrão fitness ou ter um estilo de vida saudável

Continuo com a minha reeducação e a prática de exercícios físicos, faço tudo com muito prazer, zero obrigação. Quero ter saúde hoje e no meu futuro.

Eu me sinto tão bem da forma como estou agora, sem estar muito magra e nem da forma como estava antes de emagrecer. Não me dei bem com o corpo e nem com o estilo de alimentação desenfreada que tinha antes, não era o que queria. Então resolvi mudar…

⇒ Veja também: Wellness – A busca pela saúde e pelo bem-estar

Post sobre uma reflexão de seguir um padrão fitness ou ter um estilo de vida saudável

Para ser saudável não é preciso ter um corpo padrão ou imposto pelas pessoas que estão ao redor. Vocês concordam? Todos os temas do universo fitness que falo e pratico estão relacionados a uma mudança de estilo de vida. A ideia é inspirar quem também deseja tornar isso um hábito e mostrar que é possível, mas não é fácil. Exige esforço, dedicação e disciplina, mas nada tão absurdo e insustentável.

Encontre um meio termo para seguir e persista. Busque o que te faz sentir bem e estar em dia com a sua autoestima. Existem tantas histórias de mulheres que sentem vergonha do seu corpo e vivem aprisionadas em um conflito. Sempre desmotivadas, deixando de fazer o que gostam, de viver… por não ter um corpo que a família, amigos e a sociedade esperavam que ela tivesse.

⇒ Veja também: A maquiagem e a autoestima

Já vivenciei uma boa fase de insegurança e insatisfação com o meu corpo e tive que aprender a lidar com isso. Sofri bastante, não vou negar, mas conforme amadureci fui aprendendo a me cuidar mais e a valorizar o meus pontos fortes. Não existe uma fórmula mágica para isso, cada mulher tem que ir se conhecendo mais e fazer um exercício para ver as coisas de outra forma.

Vamos tentar não agir como vítimas, mas sim se aceitar mais, se valorizar, conquistar o amor próprio, cuidar do corpo e pensar na saúde física e mental. A partir do momento que olhar com mais carinho e atenção para você, que se valorizar mais, vai sentir vontade de sair por ai toda linda e segura de si. Mas faça por você, somente. Mude os seus hábitos, se não estiver feliz, mas sempre por você. Sem mimimi, sem revoltas.

Deixe de lado o que te contamina. Vá atrás dos hábitos que vão te fazer um bem danado, que vão te encher de endorfina, de alimentos que vão te proporcionar energia e vitalidade. Você vai sentir na pele {e no cabelo} a diferença absurda que os bons hábitos e pensamentos poderão fazer.

Vai também transmitir o brilho e a beleza incrível da Marciel de 2017, muito mais leve e feliz com a essência dela, com quem é de verdade. E sem deixar de manter os hábitos de vida saudável e trabalhar com o que ama. Quando a gente se aceita e se respeita, o universo conspira a favor. Seja o nosso corpo do jeito que for…

Comente pelo Facebook
Escreva o seu comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui

UP
YouTube   FeGonçalves