Por Fê Gonçalves  •  16 nov 2015
5 Comentários

Açúcar: dicas para se livrar do vício!

Fitness

Por mais que algumas pessoas possam não entender, eu não consumo açúcar! Pode parecer estranho a primeira frase deste post, mas declaro isso aqui nesse meu cantinho na internet, pois muita gente não compreende como vivo assim. Não faz parte da minha vida: açúcar, frituras, carboidratos simplescomidas gordurosas e cheias de corantes {vale para bebidas também}, entre outras coisas. Se quiser saber mais, continue lendo que vou te contar algumas dicas…

post com dicas reais para mudar habitos e se livrar do consumo do acucar em excesso

O ponto aqui é que eu fiz uma escolha e mudei o meu estilo de vida, que não aconteceu da noite para o dia. Foi aos poucos, com muita determinação, dedicação, persistência e foco no meu objetivo. Não estou vendendo nenhuma fórmula ou dieta para emagrecer e nem dizendo para você chegar ao extremo e ficar neurótica por nunca mais comer um docinho. Qualquer ação na vida precisa ser equilibrada para não virar excesso e trazer problemas. Em qualquer área, até mesmo no amor, no trabalho…

O ponto é que muita gente não se controla e encontra no açúcar, na comida e na bebida uma recompensa e o prazer de viver. Eu também já fui assim e aprendi que podemos desviar a nossa atenção para encontrar esse prazer em outras coisas. O açúcar é tipo uma droga viciante, quanto mais comemos mais queremos e isso nos coloca mais próximos de problemas como a obesidade, diabetes, câncer, cardíacos, envelhecimento precoce

post com dicas reais para mudar habitos e se livrar do consumo do acucar em excesso

 Mas e as dicas? Vamos a elas!

♥ Adote uma dieta equilibrada para vida e não passageira

O primeiro passo aqui é ter noção que o açúcar é prejudicial para a saúde. Outra coisa é entender que isso não deve ser uma mudança passageira, como fazer aquelas dietas drásticas para emagrecer em um mês. O ideal é mudar os hábitos, se reeducar e levar esse comportamento para a vida.

♥ Acabe com a vontade de comer doce

Faço um convite para que leia este post no qual compartilhei algumas táticas que ajudaram a me reeducar e dominar as minhas vontades e desejos por doces. Deu tão certo que não sinto falta de atacá-los e optei por me alimentar de outra forma que não seja ser dependente do açúcar.

♥ O açúcar não está somente nos doces

Mas sim nos salgados como pães, massas, molhos, bebidas {refrigerantes e sucos, inclusive as versões alcóolicas}, catchup…Vale destacar que o açúcar também pode levar outros nomes como glicose, frutose, sacarose e melaço.

 ♥ Como saber se o alimento tem ou não açúcar?

Dica valiosa: no supermercado eu leio o rótulo dos alimentos para ver nos ingredientes se eles levam açúcar. Outra informação importante: o primeiro item é o que tem mais quantidade naquele alimento. Então, se começar dessa forma “ingredientes: açúcar,…” pode deixar essa versão de lado e procurar por outra, pois o alimento é feito basicamente de açúcar. Dá mais trabalho, mas pode apostar que vale. E depois você pega prática, hoje só de olhar na gôndola dos supermercados já sei quais produtos não merecem a minha atenção e consumo.

♥ E qual é a melhor opção: açúcar ou adoçante?

Eu tento ao máximo consumir alimentos com o seu sabor natural, sem usar nem adoçante. Seja suco, leite, café e chá. Puro, sem nada! A gente estranha no começo, mas o nosso paladar acostuma depois de um tempo. E no caso de comprar algo pronto, como escolher a melhor opção? Bom, me desculpa o post longo, mas vou tentar resumir as diferenças dos “açúcares” aqui:

Açúcar refinado: é o mais usado no dia a dia e não tem nutrientes, mas sim altas doses de aditivos químicos.
Açúcar light: sua mistura é composta pelo açúcar comum com adoçantes, não tem valor calórico reduzido {se comparado aos adoçantes}, e não pode ser consumido por diabéticos.
Açúcar mascavo: não tem aditivos químicos como o refinado, preserva seus nutrientes, porém é super calórico e deve ser consumido com moderação.
Açúcar demerara: é parecido com o mascavo, não leva aditivos químicos, mas é levemente refinado.
Açúcar de coco: é a versão que tem muitos benefícios para a nossa saúde, pois contém nutrientes e antioxidantes. Além disso, tem índice glicêmico baixo, porém deve ser usado com cautela por ser calórico.
Sucralose: repare que essa opção sempre é a mais sugerida tanto para preparações quentes ou frias. A sucralose, apesar de não fornecer nutrientes, ela não tem os mesmos efeitos nocivos do açúcar e não altera a taxa glicêmica no nosso organismo. Adoçantes a base de sucralose adoçam 600 vezes mais que o açúcar. Por isso, tem que dosar as gotinhas, duas, no meu caso, é mais que suficiente.
Stévia: tem sabor amargo e por isso não é muito querido. Sua origem é natural e não causa alterações na glicemia.
Mel: outra opção saudável, mas que deve ser consumido com total moderação, pois é bem calórico.

 

♥ Dê preferência as frutas

As frutas são ótimas opções sempre e acho que todas estão carecas de saber disso. Ai vem a pergunta: ah, você não come bolo, mas taí comendo uma manga, uma banana ou um cacho de uva, que são frutas super calóricas? Sim, estou comendo, uma porque adoro essas frutas e outra porque elas são ricas em fibras e nutrientes, o que reduz a velocidade de absorção do açúcar no sangue. Outro ponto é que não consumo essas frutas com frequência e depois vou ali dar uma corridinha e queimá-las rapidinho, cheia de energia saudável no meu sangue. Diferente dos alimentos que tem açúcar refinado e outros ingredientes que deixam o nosso corpo viciado e cheio de preguiça de se mexer.

Pratique atividade física e procure orientação médica

Não custa lembrar que se mexer é a melhor opção para ajudar a reduzir o alto consumo de açúcar e se livrar desse vício. Também é recomendado procurar e conversar com um médico nutricionista para entender quais as melhores opções e doses de açúcares/adoçantes você deve consumir. Quem sabe não pegue gosto pelo sabor natural dos alimentos! 😉

Agora me conta, algumas de vocês conseguem evitar e reduzir o consumo de açúcar na alimentação? 

Comente pelo Facebook
Escreva o seu comentário
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que a sua foto apareça nos comentários? Clique aqui

5 Comentários
  1. Lorraine Faria - 16/11/15 - 13h15

    eu tenho procurado diminuir as minhas quantidades, ou mesmo cortar de algumas coisas. realmente o nosso paladar se acostuma.. hoje varios chás eu ja tomo sem açucar e quando acrescento acabo achando diferente…

    Responder
    • Fê Gonçalves - 16/11/15 - 13h33

      Oi Lorraine, é isso mesmo, tudo que é muito doce eu também estranho e deixo de lado, não consigo continuar…o paladar muda totalmente e eu acho isso perfeito!! Beijos

      Responder
  2. Janeisa Maria - 17/11/15 - 12h32

    OI Fê, tenho uma alimentação super balanceada por sigo à risac o que diz a nutricionista , e graças a Deus a qui em casa, são todos muito suadáveis em suas escolhas.
    Bjs

    Responder
  3. ALINE AUAD - 17/11/15 - 13h03

    Fe!! Amei os posts e as informações. Super completo ! Bjss

    Responder
UP
YouTube   FeGonçalves
Instagram   @fegoncalvesoficial